Palácio Museu Olímpio Campos -
    
   
GOVERNADORESINSTITUCIONAL O PALÁCIO NOTÍCIAS GALERIAS ARTIGOS e TEXTOS PROGRAMAÇÃO CONTATOS

 

Cybele Ramalho abre exposição no PMOC

Com quadros que buscam expressar os sentimentos que por muitas vezes não são expressos e acabam presos no inconsciente, a exposição ?o lado de dentro do verbo sentir? da artista plástica Cybele Ramalho foi aberta na noite da última sexta-feira (21) no Palácio Museu Olímpio Campos (PMOC). Composta por 35 obras que foram produzidas em diversas épocas da vida da artista a exposição tem a curadoria de Yumah Santhu e ficará aberta à visitação até 21 de novembro.

Cybele conta que todas as obras têm um denominador comum que é a expressão do sentimento. Sobre as obras que compõem a exposição ela conta que ?o trabalho traz os sentimentos à tona, sentimentos que provém da minha experiência profissional como psicóloga, os sentimentos que eu recebo são projetados nas telas representados por uma série de imagens que vêm do inconsciente por isso esse lado de dentro?.

Durante a abertura o público pode contemplar apresentações de dança de Leandro Matos além de Michele Pereira e Renata Carvalho que apresentaram uma dança afro-contemporânea, Cybele destaca que as apresentações de dança, as interatividades, os poemas espalhados pela sala têm o objetivo de fazer com que a pessoa que venha para a exposição embarque em uma viagem, participe de uma vivência interativa, em torno dos seus sentimentos.

Retomando com as exposições do seu trabalho após 35 anos sem expor a artista explica que apesar de ter começado a expor muito jovem precisou interromper sua carreira pois descobriu que o sustento não poderia vir através da arte, ?fui estudar e sobreviver de outra maneira, porque a sobrevivência não vinha através da arte, pelo fato de eu ser mulher e pelo fato de que as artes plásticas em Sergipe não serem valorizadas?, lamenta.

Yumah Santhu, produtora e curadora da exposição explica que o processo de curadoria foi baseado na observação de cada obra, na sintonia que cada obra tem com a vida e com o sentir. A gente propõe aproveitar toda essa emoção que a obra provoca e trabalhar isso de uma forma que as pessoas se soltem e usem de todos os seus sentimentos a alegria, na tristeza, a curiosidade?.


Para a coordenadora de Museus da Secretaria de Estado da Cultura de Sergipe (Secult), Marta Soraia, que prestigiava a exposição é fundamental o reconhecimento das mulheres na arte fantástica. ?Cybele é além de uma grande psicóloga é uma grande preceptora de mulheres e de seres em suas várias dimensões, vir às exposições dela é transitar em vários mundos, onde a gente pode interagir com os sentimentos da artista e com os nossos? destaca.

A exposição está instalada na Galeria de Arte do PMOC, a visita é aberta ao público e gratuita, de terça a sexta das 10 às 17 horas e nos sábados das 10 as 13h.









Postado: 25/10/2016 - 16:35:23

 

 

Mapa do Site
Institucional O Palácio
Notícias Galerias
Artigos Programação
Contatos Tour 360°
Jogos Planta 3D
Biblioteca  
Administração

DIRETOR:Alberto Araujo Silva
TEL: (79) 3198-1462
Coordenação de Acervo Museológico 
Setor que abrange a curadoria e a monitoria, sendo responsável pelas informações e pelo acervo museológico do Palácio-Museu, e orientação dos visitantes e também, pela expografia dos seus ambientes.

COORDENADORA: Izaura Ramos
TEL: (79) 3198-1454
Coordenação de Pesquisa e Educação . Setor que abrange os serviços de arquivologia, pesquisa, comunicação e de ações educativas.

Palácio-Museu

A definição de casa-museu ou palácio-museu prevê a proteção da propriedade natural ou cultural, móvel ou imóvel, em seu local original, ou seja, preservada no local em que tal propriedade foi criada ou descoberta. Para que isso aconteça é necessário promover a restauração do patrimônio e utilizá-lo com fins didático-pedagógicos e culturais. Além disso, o Palácio-Museu Olímpio Campos promove eventos abertos ao público, a exemplo de exposições fotográficas, mostras de artistas, lançamentos de livros, entre outros. O novo projeto disponibiliza também serviços de guia para visitação, curadoria, pesquisa, documentação histórica, cafeteria e livraria etc.
Todos direitos reservados ©
Secretaria de Estado da Casa Civil