Palácio Museu Olímpio Campos -
    
   
GOVERNADORESINSTITUCIONAL O PALÁCIO NOTÍCIAS GALERIAS ARTIGOS e TEXTOS PROGRAMAÇÃO CONTATOS

 

Projeto Música no Museu é sucesso de público no Olímpio Campos

Aproximadamente 300 pessoas lotaram a área externa do Palácio-Museu Olímpio Campos na noite de ontem, 4, para prestigiar as apresentações do grupo Villa-Lobos in Jazz e de Odir Caius & Clássicos do Chorinho. Em sua segunda edição, o projeto "Música no Museu", mostrou que o evento já é um sucesso entre os sergipanos. A receptividade do público marca a valorização do patrimônio histórico enquanto bem público e centro vivo de difusão de cultural.

A programação proposta pelo Olímpio Campos vem atingindo os mais variados públicos e tornado o Museu um espaço onde transitam as mais diversas manifestações culturais, compreendendo assim que este é um espaço de celebração da memória. "O que é notável é que há um renascimento dos museus no estado, o que fez com que eles não se tornassem apenas um lugar de passagem, mas sim um lugar cheio de vida, que as pessoas procuram também para ouvir boa música e apreciar nossa cultura", observa Guilherme Mannis, regente da Orquestra Sinfônica de Sergipe.

Primeira atração da noite, o grupo Villa-Lobos in Jazz (RJ), arrancou muitos aplausos da platéia que assistia à apresentação do quarteto que executa um repertório do compositor brasileiro numa abordagem jazzística. O criador e diretor do projeto nacional "Música no Museu", Sergio Costa e Silva, percorre, junto com o grupo Villa-Lobos in Jazz, museus, igrejas e palácios de todo o país e as principais capitais do mundo levando uma abordagem original dos clássicos de Villa-Lobos. O diretor ficou surpreso com o número e a animação do público que prestigiou as apresentações.

"Nossa passagem por Aracaju está sendo maravilhosa, além de termos sido o primeiro grupo a realizar uma apresentação na Praça São Francisco, de São Cristóvão, depois da conquista do título de Patrimônio da Humanidade, ainda realizamos essa apresentação aqui no Olímpio Campos, que foi uma das coisas mais bonitas que nós já fizemos, o público lotou o local", contou Costa e Silva.

Logo depois, foi a vez de Odir Caius & Clássicos do Chorinho subir ao palco. O grupo sergipano maravilhou a platéia com os clássicos do chorinho brasileiro e também com composições originais. O carioca Achille George,21, estudante da Universidade Federal do Rio de Janeiro, assistiu à apresentação do grupo e ficou impressionado pela densidade cultural que encontrou na cidade. "Estou viajando pelas capitais do nordeste e, entre estas, Aracaju é a mais organizada e estou vendo que sua parte cultural também é bastante consistente. No Rio, nós temos eventos desse tipo, gratuitos e de qualidade, eles difundem a nossa diversidade cultural que é exatamente o que está acontecendo aqui hoje", ressalta George.

A programação musical no Olímpio Campos acontece quinzenalmente. Na próxima edição, 19, na semana do folclore, teremos "Cantoria no Museu" com Heitor Mendonça e o maestro Muskito. Para fazer reservas de mesas, basta entrar em contato com a cafeteria do Palácio, através do telefone: (79) 3041-0692.





Postado: 07/04/2016 - 16:46:45

 

 

Mapa do Site
Institucional O Palácio
Notícias Galerias
Artigos Programação
Contatos Tour 360°
Jogos Planta 3D
Biblioteca  
Administração

DIRETOR:Alberto Araujo Silva
TEL: (79) 3198-1462
Coordenação de Acervo Museológico 
Setor que abrange a curadoria e a monitoria, sendo responsável pelas informações e pelo acervo museológico do Palácio-Museu, e orientação dos visitantes e também, pela expografia dos seus ambientes.

COORDENADORA: Izaura Ramos
TEL: (79) 3198-1454
Coordenação de Pesquisa e Educação . Setor que abrange os serviços de arquivologia, pesquisa, comunicação e de ações educativas.

Palácio-Museu

A definição de casa-museu ou palácio-museu prevê a proteção da propriedade natural ou cultural, móvel ou imóvel, em seu local original, ou seja, preservada no local em que tal propriedade foi criada ou descoberta. Para que isso aconteça é necessário promover a restauração do patrimônio e utilizá-lo com fins didático-pedagógicos e culturais. Além disso, o Palácio-Museu Olímpio Campos promove eventos abertos ao público, a exemplo de exposições fotográficas, mostras de artistas, lançamentos de livros, entre outros. O novo projeto disponibiliza também serviços de guia para visitação, curadoria, pesquisa, documentação histórica, cafeteria e livraria etc.
Todos direitos reservados ©
Secretaria de Estado da Casa Civil